segunda-feira, 24 de novembro de 2008

ESTAR SÓZINHA...

Sozinha, porém acompanhada.
Nada a se falar, nada a se dizer...
Apenas assuntos rotineiros
Apenas palavras certas nos momentos errados,
Ou palavras erradas nos momentos errados.
Assim é sentir-se só.
É quando não podemos falar do que sentimos, pois de nada adiantaria.
É parecer que falamos idiomas diferentes.
Falta de alguém?
Não.
Alguém está presente em sua vida.
Alguém está aqui do seu lado, porém ausente ao que se passa em seu coração.
Incapaz de entender, incapaz de aceitar suas diversas emoções, por muitas vezes complexas demais para um coração que pouco sofreu, ou que não se deu conta que sofreu, ou que apaga o sofrimento de sua alma.

MÚSICA:
http://www.sonhomagico.com/internacionais/demis_roussos_forever_and_ever.mid

5 comentários:

Vivian disse...

...Dina minha linda,
que delícia encontrá-la
aqui no blogger!

quanto ao post,
penso que nunca estaremos sós
quando o que temos de melhor
é a nossa própria companhia.

é utopia achar que o outro pode
nos preencher, quando sabemos
que com toda certeza tbm é um
ser sozinho, assim como todos
somos.

acho que me fiz entender...
meu post de hj fala de um assunto
na mesma linha deste aqui.

muahhhhhh

Pelos caminhos da vida. disse...

Amiga uma boa companhia é bom,mas tem vezes na vida da gente que é melhor ficar só do que mal acompanhada.

Bom dia.

bjs.

Conde Vlad Drakuléa disse...

Excelente texto, e esse Demis Roussos é fantástico, adoro "White Sails" na voz dele...
Grande abraço do conde! Voei...

Recanto de Sonhos disse...

Dina,seus versos descrevem muito bem a pior das solidões...
Gosto muito dos seus escritos,são
sempre carregados se sensibilidade e amor.
Obrigado pelas sua palavras sempre carinhosas lá no meu recanto.
Uma noite linda para você,com muitos bons sonhos.
Beijos

Cleo disse...

Dina, belo texto.
E sós, mas acompanhados de nós mesmo, esta a melhor solidão.
Beijos, fica bem.
Cleo