terça-feira, 24 de março de 2009

LIBERDADE......


“Deixa eu dizer que você cresceu em mim de um jeito
completamente insuspeitado,
assim como se você fosse apenas uma semente,



e eu plantasse você, esperando ver



nascer uma plantinha qualquer, pequena, rala,
uma avenca,
talvez samambaia,
no máximo, uma roseira
É.... esperava de você apenas coisas assim,
avenca,
samambaia,
roseira.


Mas nunca,
Em nenhum momento essa coisa enorme........






que me obrigou a abrir todas as janelas,



e depois as portas,



e pouco a pouco
derrubar todas as paredes
e arrancar o telhado para que você crescesse livremente...
Você não cresceria se eu o mantivesse em um pequeno vaso... Mas compreendi a tempo que você precisava de muito espaço..."










7 comentários:

Georgia disse...

OI Dina, abrir porta e janelas às vezes nos deixa com medo, mas precisamos abrí-las.

Legal que você aderiu o Projeto Movimento Natureza, nao é blogagem Coletiva onde se escreve um texto e sim um projeto onde quem o adiciona tem que fazer algo em prol da natureza.
Qualquer dúvida pode perguntar.

Um abraco

A.S. disse...

Dar liberdade ao amor, ao desejo, é deixar que nossas asas possam voar sem limites... até ao infinito!
O amor é a mais pura forma de liberdade!


Beijos...

tossan disse...

A poetisa luz,
À poesia beleza,
À vida poesia,
A tua poesia...
Beijo

Cleo disse...

Dina, assim são os grandes amores. um luxo esta tua poesia e a postagem toda. menina, você arrasou.
Beijos com carinho
Cleo

Conde Vlad Drakuléa disse...

Lindo texto, ele reflete a beleza desses olhos lindos e ternos que tens! Beijos novos do conde :***

Verificação de palavras: "Mytinti", nenhum significado aparente, hueheuehehe...

Cleo disse...

Dina, vim de novo me deliciar aqui.
Beijos doces bom final de domingo.
Cleo

tertulías disse...

Quanta luz voce tranmite com ses escritos...